Cidade News

“Temos que jogar tudo”, diz Andressa Alves antes de partida decisiva contra Jamaica

Na 3ª colocação do Grupo F da Copa do Mundo Feminina de futebol, o Brasil terá uma partida decisiva contra a Jamaica, na próxima quarta-feira (2), às 7h, pela última rodada da fase de grupos da competição. Com três pontos, atrás de França e da próxima adversária, o Brasil precisará vencer as jamaicanas para avançar para as oitavas de final do Mundial.

 

Em entrevista coletiva realizada nesta segunda-feira (31), a atacante Andressa Alves mostrou confiança no desempenho da equipe brasileira diante da decisão da próxima quarta-feira.

 

“O Brasil ainda é favorito contra a Jamaica. A gente depende só da gente, então temos que mostrar a nossa força dentro de campo. É um jogo que não tem margem para erro, temos que fazer o nosso melhor jogo até agora na competição. Eu confio no meu time, eu sei que o Brasil tem futebol para ganhar”, comentou Andressa.

 

Na Copa do Mundo de 2019, o Brasil enfrentou a Jamaica na fase de grupos e venceu por 3 a 0. Andressa Alves também falou que a equipe jamaicana que enfrentará nesta Copa do Mundo não pode ser comparada àquela de quatro anos atrás.

 

“A gente sabe da dificuldade que vai ser contra a Jamaica, porque não é a Jamaica de 2019. Pelo contrário, é uma seleção muito bem estruturada e que a gente vai ter que jogar tudo, porque é uma final. Em final, não se joga, se vence. Então, a gente tem que entrar com esse pensamento, o importante não é golear, o importante é ganhar de 1 a 0 e fazer os três pontos e passar de fase”, comentou a atacante.

 

Caso passe de fase, a seleção brasileira enfrenta quem passar do Grupo H, formado por Colômbia, Alemanha, Marrocos e Coreia do Sul.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.